O governo federal irá retomar nove obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Turismo, que deverão receber R$ 7,5 milhões em investimentos federais.

O PAC Turismo tem como objetivo melhorar a infraestrutura turística no País. A escolha das obras levou em consideração a relevância para a população e a melhoria que irão proporcionar nas condições de vida dos brasileiros.

As obras estão presentes em cinco estados: Minas Gerais, Goiás, Rio Grande do Sul, Pará e Rio de Janeiro. Todas se referem à sinalização turística em destinos como Pelotas (RS) e Vassouras (RJ). As cidades históricas mineiras de Congonhas, Diamantina e São João Del Rei terão obras atendidas pela liberação de recursos.

Economia

“A liberação de verbas para conclusão de obras de sinalização turística demonstra a importância que o governo dá ao setor do Turismo, importante gerador de empregos e renda no País”, afirmou o ministro do Turismo, Marx Beltrão (foto).

De acordo com o ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP), Dyogo Oliveira, as construções poderão ser retomadas até 30 de junho de 2017. O prazo máximo para conclusão é dezembro de 2018. Caberá à pasta a regulamentação e fixação, por meio de portaria, dos prazos para a retomada e a conclusão dos empreendimentos.

A estimativa é de que a iniciativa gere até 45 mil empregos na cadeia produtiva da construção civil.

Confira a lista de cidades beneficiadas com obras ligadas à infraestrutura turística: Congonhas (MG), Diamantina (MG), Goiânia (GO), Goiás (GO), Jaguarão (RS), Pelotas (RS), Santarém Novo (PA), São João del Rei (MG) e Vassouras (RJ). Fonte: Ministério do Turismo