O trabalho de interiorização dos imigrantes venezuelanos continua em Boa Vista (RR). Ao todo, 130 pessoas foram encaminhadas a abrigos em Cuiabá (MT), Brasília (DF), São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ). Eles foram transportados por um avião da Força Aérea Brasileira (FAB).

Desde abril, cerca de 690 venezuelanos já passaram por esse processo.

A medida assegura aos solicitantes de refúgio ou residência a regularização no País (fornecimento de CPF e carteira de trabalho), além de exames médicos e vacinação. Nos novos abrigos, eles têm acesso a atendimento de saúde, educação para as crianças, ensino da Língua Portuguesa e capacitação profissional.

No primeiro processo de interiorização, realizado entre abril e julho, dos 690 venezuelanos levados para outras cidades, 267 foram para São Paulo (SP), 165 para Manaus (AM), 95 para Cuiabá, 69 para Igarassu (PE), 44 para Conde (PB) e 50 para o Rio de Janeiro (RJ).

Fonte: Casa Civil