A marca Beleza Natural inaugurou, setembro do ano passado, sua primeira loja no exterior, no coração do Harlem, em Nova Iorque.

A abertura dessa unidade, que tem capacidade de atender 400 clientes por dia, foi parte da comemoração dos 25 anos da companhia.

Segundo a responsável pelo marketing da empresa Marcia Silveira o objetivo em 2019 é que a unidade em NY atinja o número de 190 mil clientes por mês.

Foram dois anos de planejamento e pesquisa até a inauguração ontem, conta a CEO Leila Velez.

“Contratamos uma empresa americana para fazer pesquisa e entrevista com consumidores, rotinas de cuidados das mulheres americanas e desde da análise da aceitação do nome da marca até das cores da loja.”

No entanto, Leila alerta que é indispensável que os donos da empresa façam uma pesquisa e levantamento pessoal como visitar o bairro, entrar em contato com locais e com empresas estrangeiras que passaram pelo mesmo processo.

Sobre a comparação entre abrir uma empresa no EUA e no Brasil, Leila afirma que o incentivo para o empresário na terra do Tio Sam sem dúvida é muito maior, porém as regras são diferentes, então é fundamental entender a cultura e aprender a língua.

A marca que nasceu no bairro da Tijuca, Rio de Janeiro, criada por Zica Assis, que na época trabalhava em cada de família e sofria preconceito por ter cabelo crespo. O que acabou dando incentivo a Zica fazer experimentos para cuidar e hidratar cabelos encaracolados e crespos.

Hoje, além da unidade em Nova Iorque, a marca possui 45 unidades de negócios espalhados pelos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo, Bahia e Minas Gerais.

VIVIANE FAVER
Jornalista
vfaver@gmail.com