A natureza foi generosa com a baía de Angra dos Reis no Estado do Rio de Janeiro, presenteando-a com nada menos que 365 ilhas.

Angra foi contemplada, ainda, com uma diversificada e colorida vida marinha, o que faz da região um dos melhores pontos de mergulho do país. Além de peixes de inúmeras espécies, moluscos, crustáceos, tartarugas e moréias, os adeptos da atividade encontram naufrágios escondidos.

Em terra firme, as atrações ficam por conta do Centro Histórico, com casario colonial, conventos e igrejas; e dos charmosos restaurantes do bairro da Vila do Frade. Em muitos estabelecimentos, apreciar a paisagem é tão prazeroso quanto degustar os pratos.

Depois do jantar, caso seja verão, o agito noturno também tem as ilhas como pano de fundo. O endereço muda a cada temporada, mas a pista está sempre fervendo.

Os mais concorridos points diurnos de Angra ficam nas ilhas, como Gipóia (praia do Dentista) e Itanhangá. Para curtir as águas claras e a rica vida marinha das ilhas de Cataguases e Botinas, vá pela manhã, antes da chegada dos saveiros cheios de turistas. Quem optar por curtir o continente encontra boas enseadas para tomar banho e petiscar, como Biscaia e Praia Grande.

Já os adeptos do surf não têm muitas opções, mas encontram boas ondas em algumas praias da ilha da Gipóia.

No movimentado centrinho de Angra estão exemplares do período colonial, como igrejas e casario do século XVIII. Vá às construções no alto do morro de Santo Antônio – convento São Bernardino e Capela de São Francisco – para apreciar o visual privilegiado.

Durante os passeios pelas ilhas, petisque nos bares flutuantes atracados nos points marítimos. Para jantar, as opções são os restaurantes da Praia do Frade (instalados no Condomínio Porto Frade e Ma-rina), além

dos estabelecimentos do Centro e do Shopping Piratas.

Barcos e lanchas são os meios de transporte oficiais de Angra. Para circular por praias e ilhas, alugue uma embarcação ou faça passeios de escuna. Já para percorrer o Centro Histórico da cidade, onde ficam igrejas, conventos e casario colonial, ande a pé. As praias movimentadas do continente, como Grande, Monsuaba e Biscaia, são acessíveis de carro.

Natureza e história emolduram a privilegiada Angra dos Reis. De barco, aporta-se na rústica Ilha Grande, a maior ilha da baía e que abriga cenários paradisíacos e selvagens, como a Lagoa Azul e a praia de Lopes Mendes. Já por terra, o rumo é Paraty, cidade charmosa, tombada e que abriga um dos conjuntos arquitetônicos mais bonitos do país.

Fonte: www.feriasnobrasil.com.br